Doação de medicamentos à Ucrânia

Portugal enviou, no dia 21 de maio, para a Ucrânia, uma carga de medicamentos com valor superior a 1 milhão de euros, onde se incluem medicamentos oncológicos, antibióticos, preparações para injetáveis, entre outros produtos.


Em comunicado, o Infarmed – Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde explica que os medicamentos foram doados por empresas do setor farmacêutico e pelo Ministério da Saúde, sendo esta a sexta doação de medicamentos de Portugal à Ucrânia desde o início do conflito.


O transporte foi assegurado pela Força Aérea Portuguesa até ao aeroporto de Rzészów, na Polónia, no âmbito do mecanismo europeu de Proteção Civil. Daí seguirão para o Hub regional, para serem entregues em território ucraniano.


Os medicamentos foram um dos bens identificados pelas autoridades ucranianas como fazendo falta, após o eclodir da guerra naquele país. O Infarmed tem-se mantido em articulação com as várias organizações do setor, nomeadamente as associações da indústria farmacêutica, de distribuidores grossistas e de farmácias, a fim de assegurar toda esta coordenação.

imagem do post do Doação de medicamentos à Ucrânia
Voltar