Inovação no SNS

Uma aplicação que permite o acompanhamento contínuo e domiciliário dos utentes – Telemonit 24 – e teleconsultas em balcões SNS24, que evitam deslocações a centros de saúde e hospitais, facilitando, assim, o acesso aos cuidados de saúde. O Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Lacerda Sales, esteve de visita ao distrito do Porto, no passado dia 22 de abril, num dia dedicado à inovação em saúde.


O serviço Telemonit SNS24, desenvolvido pela SPMS, E.P.E., permite o acompanhamento de utentes com insuficiência cardíaca, doença pulmonar obstrutiva crónica e de recuperação pós-covid-19, e foi lançado, esta sexta-feira, na Unidade Local de Saúde de Matosinhos, abrangendo 10 utentes em Matosinhos. Integrarão o piloto ainda o Centro Hospitalar Universitário do Algarve, o Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga e o Centro Hospitalar do Oeste.


Já em Vila do Conde e na Póvoa de Varzim, o governante visitou, esta tarde, 2 balcões SNS 24, e presenciou o lançamento da teleconsulta hospitalar no balcão de Vila do Conde (segundo balcão no país a ter esta resposta).Ao todo, nestes dois concelhos existem 44 balcões em atividade, e pelo país são já mais de 140 os balcões que prestam apoio aos cidadãos. O objetivo passa por continuar a aumentar esta resposta, como avançou Lacerda Sales: “A ideia é alargar a rede de balcões a mais freguesias, promovendo, desta forma, a rapidez, a proximidade e a segurança no acesso aos serviços digitais do SNS, aumentando o conforto para o cidadão, que evita, assim, deslocações às unidades de saúde, sobretudo ao nível dos cuidados de saúde primários e agora, também, e esperemos que de forma crescente, ao nível dos cuidados hospitalares”.

imagem do post do Inovação no SNS
Voltar