09-02-2022

Esclarecimento do INEM sobre os constrangimentos verificados com a rede Vodafone

Na sequência dos constrangimentos verificados esta semana com a rede Vodafone, o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) presta os seguintes esclarecimentos.


Todas as chamadas de emergência transferidas pelas Centrais 112, geridas pela Polícia de Segurança Pública, para os Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) do INEM estiveram sempre asseguradas a 100%, não se verificando qualquer situação anómala.


Desde as 9h00 de dia 8 de fevereiro, é possível aos CODU efetuar o acionamento de meios de emergência através da rede Vodafone.


Desde as 7h00 de dia 8 de fevereiro, é também possível o recurso à aplicação de registo clínico do INEM, iTeams, possibilitando a comunicação de dados entre os CODU, as equipas no terreno e os hospitais, incluindo a transmissão de eletrocardiogramas para o CODU.


Desde as 21h de dia 9 de fevereiro encontra-se também em funcionamento o sistema telefónico fixo via NET.


O INEM apela mais uma vez à colaboração dos cidadãos, solicitando que liguem para o Número Europeu de Emergência – 112 apenas em caso de emergência. Todas as situações referentes a aconselhamento devem recorrer ao Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde, através do 808 24 24 24 , o que permitirá que aos CODU do INEM cheguem apenas chamadas referentes a verdadeiras emergências médicas.


O INEM aproveita a oportunidade para agradecer a todos os seus profissionais, bem como aos seus parceiros – Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, Bombeiros e Cruz Vermelha Portuguesa – toda a colaboração prestada na resolução dos constrangimentos sentidos.

imagem do post do Esclarecimento do INEM sobre os constrangimentos verificados com a rede Vodafone
Voltar