03-02-2022

Lagarta do Pinheiro: saiba o que fazer em caso de contacto

A lagarta do pinheiro, também conhecida como “processionária”, é um inseto desfolhador dos pinheiros e cedros em Portugal. O contacto, direto ou por inalação, com os pelos da lagarta pode provocar uma reação alérgica cuja gravidade depende da intensidade da exposição e da sensibilidade individual. Em qualquer um destes casos, saiba o que fazer de imediato.

Em caso de contacto com a lagarta do pinheiro, deve:

  • Retirar o vestuário e tomar banho
  • Se os olhos tiverem sido atingidos, lavar com água corrente durante cerca de 10 minutos
  • Remover os pelos urticantes que possam ter ficado aderentes à pele (por exemplo, com um adesivo)
  • Aplicar um creme hidratante
  • Se os efeitos/reação alérgica forem intensos, deve procurar a ajuda de um médico
  • Contacte o CIAV – Centro de Informação Antivenenos: 800 250 250

Os animais são igualmente sensíveis ao contacto com as lagartas sendo aconselhado procedimentos idênticos. Será conveniente uma observação por um veterinário particularmente no caso de cães e gatos.

Estes episódios são muito frequentes tanto nos adultos, como nas crianças, principalmente na fase em que os pelos são libertados.

Normalmente, é a partir de dezembro que aparecem os Ninhos de seda nos ramos dos pinheiros. Entre janeiro a maio, surgem as filas de lagartas a descer pelos troncos dos pinheiros e, na primavera, os pelos urticantes das lagartas são libertados. Contudo, nos últimos anos, tem-se verificado um aumento desta praga e uma alteração do calendário, sobretudo devido às condições climáticas

imagem do post do Lagarta do Pinheiro: saiba o que fazer em caso de contacto
Voltar