Covid-19 | Doação de vacinas

Portugal vai enviar para São Tomé e Príncipe um terceiro lote de 37.000 vacinas contra a Covid-19, fazendo ascender a 86.000 o total de vacinas já disponibilizadas àquele país.

Este terceiro lote de vacinas Astrazeneca, que será acompanhado de todo o material necessário para viabilizar a sua administração, incluindo, nomeadamente, seringas e agulhas, chegará ao país esta quarta-feira, dia 10 de novembro, onde será entregue pelo Embaixador de Portugal em São Tomé às autoridades sanitárias santomenses.

Esta ação decorre do compromisso político de disponibilizar aos PALOP e a Timor-Leste pelo menos 5% das vacinas contra a Covid-19 adquiridas por Portugal, estando enquadrada na segunda fase do Plano de Ação na resposta sanitária à pandemia de Covid-19 entre Portugal e os países africanos lusófonos e Timor-Leste.

A operacionalização desta ação é resultado do esforço conjunto do Ministério dos Negócios Estrangeiros, designadamente através do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua e da Embaixada de Portugal em Luanda, e do Ministério da Saúde, através da Direção-Geral da Saúde (DGS) e da Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde (Infarmed).

O transporte destas vacinas conta com o apoio da TAP, no âmbito do Acordo de Parceria Institucional assinado no passado dia 30 de setembro entre a transportadora nacional e o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, com o intuito de promover a colaboração entre as duas instituições, com especial enfoque no transporte de vacinas contra a Covid-19 e respetivos consumíveis para os PALOP e o Brasil.

Fonte: SNS

imagem do post do Covid-19 | Doação de vacinas
Voltar