26-10-2020

Gestos que salvam – sabe como agir em caso de traumatismo num membro superior?

Normalmente é necessária uma força considerável para se partir um osso, mas a força pode também provocar uma luxação, entorse ou até rasgar ou distender um músculo. A menos que se veja a extremidade de um osso numa ferida ou a deformação seja evidente, é impossível saber se um osso está partido sem uma radiografia.

 

Sinais e sintomas:

  • Deformidade ou inchaço no ponto da lesão: compare o membro ferido com o membro são;
  • Dor que aumenta ao movimento;
  • A vítima pode não ser capaz de dobrar o braço;
  • Se a vítima estiver a segurar no braço e inclinada para o lado da lesão;
  • Se o ombro parecer mais plano que o outro;
  • Possível ferida junto do osso partido;
  • Extremidade do osso à vista.

 

Aviso:

Se existir um ferimento, tape-o com uma compressa para o proteger de infeções e controle a hemorragia. Imobilize sempre a lesão antes de transportar alguém para minimizar o risco de lesão adicional.

 

O que fazer:

  • Ajude a vítima a sentar-se e apoie o braço, fazendo um ângulo de 90º, suportado pelo outro braço;
  • Coloque uma ligadura que envolva o cotovelo e o antebraço e que fique suportada pela região do pescoço;
  • Se possível, transporte a vítima ao hospital;
  • Ligue 112 se necessário.

 

imagem do post do Gestos que salvam – sabe como agir em caso de traumatismo num membro superior?
Voltar