30-09-2020

COVID-19 | Atividade Semanal: INEM transportou 2.154 casos suspeitos e recolheu 195 amostras biológicas entre os dias 21 e 27 de setembro

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) transportou, entre os dias 21 e 27 de setembro, 2.154 casos suspeitos de infeção com o novo coronavírus. No mesmo período foram efetuadas 195 colheitas de amostras biológicas para análise à COVID-19. O INEM continua a ter dois casos positivos entre os seus trabalhadores e prestadores de serviço.

 

A 27 de setembro, o INEM tinha registo de um trabalhador e um prestador de serviço com infeção SARS-CoV-2 e nove trabalhadores encontravam-se em isolamento profilático. Ainda, 52 trabalhadores e 11 prestadores de serviço estavam sob vigilância da Comissão de Controlo de Infeção e Resistência aos Antimicrobianos (CCIRA) do INEM. Desde o início da pandemia, excluindo os casos ativos nesta data, o INEM registou 14 trabalhadores e cinco prestadores de serviços com COVID-19. Todos estes profissionais encontram-se recuperados.

 

Entre os dias 21 e 27 de setembro, os meios do INEM transportaram 2.154 casos suspeitos de COVID-19. Os meios da Delegação Regional do Norte (DRN) efetuaram 824 transportes. Na Delegação Regional do Sul (DRS) foram transportados 811 casos suspeitos e na Delegação Regional do Centro (DRC) 404. Os meios afetos à Delegação Regional do Sul – Algarve transportaram 115 utentes. A definição de caso suspeito de COVID-19 é, entre outros e de acordo com as normas em vigor¸ qualquer situação de falta de ar (dispneia) triada pelos Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU). Desde o início da pandemia em março, já foram efetuados 49.001 transportes de utentes com sinais e sintomas compatíveis com COVID-19.

 

Para responder à pandemia, o INEM criou quatro equipas dedicadas à recolha de colheita de amostras biológicas para posterior análise à COVID-19. A atividade destas equipas surge como complemento às equipas de recolha de colheitas das entidades de saúde locais e trabalham sob pedido, com carater urgente, das autoridades de saúde ao INEM. Entre os dias 21 e 27 de setembro estas equipas efetuaram 195 recolha de amostras. De março a 27 de setembro foram efetuadas um total de 24.472 colheitas.

 

Todo o trabalho que o INEM e restantes entidades efetuam na resposta à pandemia de COVID-19 só fará sentido se todos cumprirem as normas da Direção-Geral da Saúde, nomeadamente as que dizem respeito aos comportamentos individuais: uso de máscara, lavagem de mãos, adoção de etiqueta respiratória e a manutenção de distanciamento físico. Colabore!

 

Se tiver febre, tosse ou dificuldade respiratória ligue SNS24 – 808 24 24 24. Em caso de emergência ligue 112!

 

Colabore com o INEM. Juntos, podemos salvar vidas!

imagem do post do COVID-19 | Atividade Semanal: INEM transportou 2.154 casos suspeitos e recolheu 195 amostras biológicas entre os dias 21 e 27 de setembro
Voltar