Vacinação contra a Gripe

A avaliação de quem deve receber primeiro a vacina contra a gripe, numa altura em que as autoridades de saúde delineiam a estratégia de vacinação para a próxima época gripal, assenta em “critérios de risco” e os “ mais vulneráveis são sempre prioritários ”, afirmou hoje a Diretora-Geral da Saúde.

 

Graça Freitas, que acompanhou a Ministra da Saúde na conferência de atualização dos dados sobre a pandemia por Covid-19 em Portugal, sublinhou que na linha prioritária para receber a vacina da gripe estarão os utentes de lares e profissionais de saúde e todos aqueles que prestam cuidados diretamente a doentes e pessoas de risco.

 

Questionada sobre se os professores estariam incluídos neste grupo prioritário, a Diretora-geral da Saúde salvaguardou que os docentes poderão ser prioritários para receber a vacina da gripe se tiverem mais de 65 anos ou alguma doença crónica que seja fator de risco para a covid-19.

 

O Ministério da Saúde comprou este ano o maior número de sempre de doses da vacina para a gripe sazonal, cerca de dois milhões.

 

Fonte: SNS

imagem do post do Vacinação contra a Gripe
Voltar