10 Recomendações para a alimentação em dias muito quentes

Quando há exposição ao calor intenso ao longo de vários dias consecutivos, o organismo pode ressentir-se, aumentando o número e tempo de duração de cãibras, podem ocorrer náuseas, vómitos, tonturas, alterações na respiração e no ritmo cardíaco. Em casos extremos podem ocorrer golpes de calor e esgotamentos pelo calor, situações que necessitam de cuidados médicos imediatos.

 

No decorrer de uma onda de calor, a temperatura ambiente aumenta e consequentemente aumenta também a perda de água pela transpiração, sendo esta a principal forma de arrefecimento do corpo.
Nestas situações, a prioridade é manter-se bem hidratado e afastado das fontes de calor, sempre que possível.

 

Saiba mais aqui.

 

Fonte: DGS

imagem do post do 10 Recomendações para a alimentação em dias muito quentes
Voltar