2007

  • Realiza-se em Portugal o primeiro curso de Intervenção Psicológica em Situações de Crise/Catástrofe, dirigido a psicólogos da Segurança Social e do Exército, assim como Técnicos de Ambulância do INEM e licenciados em Psicologia.
  • Entram em funcionamento as VMER do Hospital do Espírito Santo em Évora e do Hospital Dr. José Maria Grande em Portalegre. Todos os distritos do país passam assim a dispor de um meio de Suporte Avançado de Vida.
  • Assinado protocolo com o Hospital Amadora-Sintra que permite a transição do programa DAE deste Hospital, Choque pr’a Vida, para o INEM.
  • Publicada em Maio a nova Lei Orgânica do INEM.
  • Lançamento da campanha publicitária “E se precisasse de uma ambulância e ela estivesse ocupada numa chamada falsa?”, com o objetivo de sensibilizar o público para o problema das chamadas falsas para o 112.
  • Instalada uma ambulância piloto de Suporte Avançado de Vida no Alentejo (SAV), com vista à futura implementação do modelo de ambulâncias de Suporte Imediato de Vida (SIV).
  • O American Journal of Emergency Medicine, publicação de referência mundial na área da emergência médica, publicou um artigo sobre a utilização das motas de emergência pelo INEM.
  • Lançada a campanha publicitária “Seja mais rápido que…” pelo Alto Comissariado da Saúde, com o apoio do INEM, sensibilizando a população para os sinais de alerta de acidente vascular cerebral e enfarte.
  • A delegação regional de Coimbra muda de instalações e a cerimónia de inauguração foi presidida pelo então Ministro da Saúde, António Correia de Campos. Ficam concentrados num único edifício os serviços de coordenação, administração e logística da delegação regional, bem como o CODU e o Centro de Formação.
  • Entram em funcionamento, em Outubro, as primeiras quatro ambulâncias SIV no Alentejo, no âmbito do projeto do Ministério da Saúde de requalificação das urgências – Odemira, Estremoz, Moura e Elvas.
Voltar