16-04-2018

Proteção Civil, GNR e INEM participam em simulacro de sismo na Argélia

A Autoridade Nacional de Proteção Civil, a GNR e o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) participam desde ontem, dia 14 de abril, num exercício internacional de proteção civil, na Argélia, tendo como cenário um sismo de magnitude 7,0.

 

As equipas e peritos participantes vão testar procedimentos de emergência para responder a um sismo que geraria o colapso de mais de 22 mil edifícios, cerca de 14 mil mortos, 733 mil desalojados e diversos danos secundários. O cenário inclui também a “ocorrência” de libertação de agentes NRBQ (nuclear, radiológico, biológico e químico) e a rotura de uma barragem.

 

O convite para participar neste exercício Livex (em contexto real) – designado “Al Seimeex” e que vai decorrer a partir de hoje e até quarta-feira – foi feito pela Proteção Civil de França, no âmbito do Mecanismo de Proteção Civil da União Europeia.

 

No exercício participam equipas e peritos de Portugal, Espanha, França, Itália, Polónia, Tunísia e Argélia e vai decorrer em Bouira, a sul de Argel.

 

A Força Operacional Conjunta Nacional (FOCON), coordenada pela ANPC, integra três elementos desta Autoridade, 10 elementos do Grupo de Intervenção em Proteção e Socorro (GIPS/GNR), 12 elementos do INEM e está apoiada num total de sete veículos operacionais. Apresenta valências na área da coordenação geral de emergências, do pré-hospitalar e da deteção e amostragem NRBQ.

 

A ANPC mobilizou ainda dois elementos da sua estrutura para acompanhar o exercício de decisão que precede a componente LIVEX e um terceiro elemento que integrará a Equipa de Coordenação do Mecanismo Europeu.

 

O exercício, e em concreto a intervenção da Força Portuguesa, poderá ser acompanhada através das páginas do Facebook da ANPC, da GNR e do INEM.

 

imagem do post do Proteção Civil, GNR e INEM participam em simulacro de sismo na Argélia
Voltar